MONITORAMENTO DO ORÇAMENTO PÚBLICO É PAUTA DE FORMAÇÕES EM ABRIL

Publicação 12/04/18 00:37

De 3 a 5 de abril, o Centro de Defesa da Vida Herbert de Souza promoveu curso sobre Orçamento Público. Facilitado pelo CEDECA-CE, a iniciativa envolve mais de 30 moradoras e participantes de organizações populares do Grande Bom Jardim que compõem a Rede DLIS.

O grupo Jovens Agentes de Paz – JAP foi uma das agremiações que integrou o processo formativo. “Como atuamos com juventude, é importante aprendermos se o orçamento está indo para onde deveria”, explica Dênnis Rhatman, 20 anos, componente do movimento. Segundo ele, foi possível conhecer estratégias, portais e tomaram nota de cálculos para fiscalização dos valores destinados às políticas públicas e o valor executado nas ações de manutenção e realização.

Aferir a prioridade de emprego dos recursos é parte essencial dos ensinamentos para Halan Aksom, 20 anos e integrante do JAP. “Percebi no monitoramento que tem dinheiro para o Maloca Dragão, enquanto o Centro Cultural do Bom Jardim está a três meses sem recurso para pagar funcionários”, argumenta.

A formação esteve estruturada a partir da concepção onde o conhecimento aprofundado sobre questões de interesse público possibilita domínio popular e intervenção social. Assim, converge para produção de um caderno didático a fim de discutir o orçamento da cidade, ampliando as vias de acesso à informação sobre os mecanismos de arrecadação dos impostos e dos gastos públicos em Fortaleza.